Postado em 04.04.09 em Notícias por Jorge Alves

Falsas memórias

Bem vindo. Pode esclarecer as suas dúvidas no formulário de Contacto ou comentando num artigo. Subscreva o nosso feed RSS para não perder nenhum artigo novo. Pode procurar mais informação na secção "Arquivos" ou na barra de pesquisa.

Falsas memórias

A memória humana não é "fotográfica".

Uma falsa memória consiste numa memória que é uma distorção de uma experiência, ou a confabulação de uma experiência imaginada. Muitas falsas memórias envolvem a confusão ou mistura de fragmentos de eventos memorizados. Muitas envolvem ainda erros na memória fonte (de origem). Outras ainda consistem em sonhos que são tidos como experiências reais.

A Dr. Elizabeth Loftus tem assumido um papel de destaque na área da memória humana e demonstrou que não só é possível “implantar” falsas memórias, mas também fazê-lo com relativa facilidade.

Recentemente foi publicado um artigo sobre como um símbolo nacional italiano criado após os bombardeamentos terroristas de 1980 na estação de comboios de Bolonha terá originado uma falsa memória nos seguintes 16 anos.

O símbolo em questão foi um relógio da estação que avariou em 1996 e foi colocado a marcar as 10h25 de modo a recordar a tragédia; tornando-se assim num símbolo mediatizado em comemorações posteriores.

Um grupo de psicólogos italianos, cientes de que a repetição tende a originar falsas memórias, testou os habitantes da cidade e descobriram que a maioria das pessoas recordava, erradamente, que o relógio estava parado desde o bombardeamento. Mais, este grupo de pessoas incluía quem tinha visto o relógio a trabalhar correctamente de forma diária nos 16 anos seguintes ao incidente terrorista.

Link para o artigo: Collective representations elicit widespread individual false memories.

Related Posts with Thumbnails

Sobre o autor:  Jorge Alves é doutorando em Psicologia. Investiga na área das Neurociências. Criador e autor principal do Portal RedePsicologia.com.



Subscrever Comentários Comentar | Trackback |
Etiquetas: , ,

Posts anteriores


Comentários ( 2 )

[...] => outro absurdo. Nossa memória é extremamente falha, isso sem falar nas confusões e falsas memórias. Só como exemplo, é exatamente por esse motivo que as primeiras 48 horas são fundamentais para [...]

Livres Pensadores.org » Textos do Blog » Uma Análise Criteriosa sobre a Ufologia deixou este comentário em Set 24 10 ás 15:13

A Loftus é provavelmente a psicóloga que foi mais vezes vítima de ataques públicos (agressões e insultos). Ela esteve envolvida em centenas de casos de violações, ou alegadas violações….

joaoNo Gravatar deixou este comentário em Abr 06 09 ás 22:13

Deixe aqui o seu comentário

Se pretende fazer uma pergunta sobre este artigo verifique primeiro se a mesma já foi respondida nos comentários. Devido à grande quantidade de comentários e e-mails que recebemos, nem sempre é possível uma resposta imediata. Contudo, tentamos dar resposta a todos os leitores.




Content Protected Using Blog Protector By: PcDrome.