Postado em 08.08.08 em Notícias por Jorge Alves

Psiquiatras abandonam psicoterapia

Os psiquiatras Norte-Americanos estão a a abandonar a prática de psicoterapia.

Segundo este estudo cada vez são menos os psiquiatras a providenciar serviços de psicoterapia aos seus clientes.

Ainda no mesmo, os autores concluem que o declínio da prática de psicoterapia por parte destes profissionais pode ser devida ao crescente decréscimo do número de psiquiatras a especializarem-se em psicoterapia, e concomitantemente ao aumento dos que se especializam em farmacoterapia. As razões destes números serão provavelmente os incentivos financeiros e o crescimento da indústria e dos tratamentos psicofarmacológico.

É mais um estudo que demonstra a “era do comprimido mágico” (expressão que um amigo meu utilizou uma vez) em que vivemos, onde se quer uma solução rápida e miraculosa, tão fácil como tomar um comprimido (de preferência de toma única).

Related Posts with Thumbnails

Sobre o autor:  Jorge Alves é Doutorado em Psicologia. Neuropsicólogo Clínico. Investiga na área das Neurociências. Criador e autor principal do Portal RedePsicologia.com.



Subscrever Comentários Comentar | Trackback |
Etiquetas: , ,

Posts anteriores


Deixe aqui o seu comentário

Se pretende fazer uma pergunta sobre este artigo verifique primeiro se a mesma já foi respondida nos comentários. Devido à grande quantidade de comentários e e-mails que recebemos, nem sempre é possível uma resposta imediata. Contudo, tentamos dar resposta a todos os leitores.