Postado em 02.03.09 em Curiosidades por Jorge Alves

O difícil problema da consciência

O difícil problema da consciência

O difícil problema da consciência, termo cunhado por David Chalmers, refere-se ao problema difícil de explicar de por que razão temos experiências fenomenológicas qualitativas. Este problema é muitas vezes discutido no campo da filosofia.

É contrastado com os “problemas fáceis” de explicar a capacidade de discriminar, integrar informações, comunicar estados mentais, atenção, etc.

Os problemas fáceis são-no porque tudo o que é necessário para a sua solução é especificar um mecanismo que pode desempenhar a função. Isto é, as suas propostas de soluções, independentemente de quão complexa possam ser podem ser inteiramente coerentes com a concepção materialista moderna do fenómeno natural.

Os problemas difíceis são distintos pois persistem mesmo quando o desempenho de todas as funções é explicada.

Exemplos:
– “Por que deveria o processamento físico dar origem a vida interior?”
– “Porque é que existe um componente subjetivo de experiência?”

Fonte: Wikipédia

Related Posts with Thumbnails

Sobre o autor:  Jorge Alves é Doutorado em Psicologia. Neuropsicólogo Clínico. Investiga na área das Neurociências. Criador e autor principal do Portal RedePsicologia.com.



Subscrever Comentários Comentar | Trackback |
Etiquetas: ,

Posts anteriores


Comentários ( 3 )

Post muito importante!!!!

Por isso é que a CBT é desinteressante.

Terapia centrada no cliente, gestalt, existencial, emotion-focus, narrativa, é que são o futuro!!!

🙂

joaoNo Gravatar deixou este comentário em Fev 03 09 ás 23:28

@joao Permita-me fazer-lhe uma pergunta: há algo mais real/vivido que experienciar um descondicionamento de uma fobia (por exemplo) através da exposição? 😉

JorgeNo Gravatar deixou este comentário em Fev 04 09 ás 23:18

Acerca do assunto aconselho a leitura do livro “Luz Misteriosa: a consciência do mundo físico” de Manuel Curado, professor da unidade curricular de Epistemologia da Psicologia, na UM.

CatarinaNo Gravatar deixou este comentário em Jul 29 09 ás 3:26

Deixe aqui o seu comentário

Se pretende fazer uma pergunta sobre este artigo verifique primeiro se a mesma já foi respondida nos comentários. Devido à grande quantidade de comentários e e-mails que recebemos, nem sempre é possível uma resposta imediata. Contudo, tentamos dar resposta a todos os leitores.