Postado em 02.09.10 em Curiosidades, Notícias por Jorge Alves

Livros de auto-ajuda

Um novo estudo revela dados que alertam para efeitos negativos dos livros de auto-ajuda.

Especificamente, o estudo em questão demonstrou que os leitores de livros de auto-ajuda com elevadas tendências ruminativas apresentavam mais sintomas depressivos de forma geral, após o período de estudo dos referidos manuais.

Desta forma, parece ser que pelo menos para as pessoas com elevadas tendências ruminativas os livros de auto-ajuda podem ser mais prejudiciais do que benéficos.

Link para o artigo científico: “When self-help is no help: Traditional cognitive skills training does not prevent depressive symptoms in people who ruminate“.

Related Posts with Thumbnails

Sobre o autor:  Jorge Alves é Doutorado em Psicologia. Neuropsicólogo Clínico. Investiga na área das Neurociências. Criador e autor principal do Portal RedePsicologia.com.



Subscrever Comentários Comentar | Trackback |
Etiquetas: , , ,

Posts anteriores


Comentários ( 1 Comentário )

Interessante, já é um argumento para não ler.

SchneiderNo Gravatar deixou este comentário em Fev 11 10 ás 2:19

Deixe aqui o seu comentário

Se pretende fazer uma pergunta sobre este artigo verifique primeiro se a mesma já foi respondida nos comentários. Devido à grande quantidade de comentários e e-mails que recebemos, nem sempre é possível uma resposta imediata. Contudo, tentamos dar resposta a todos os leitores.